Portugal Classificado

Portugal Classificado

  • $12.00
  • Épargnez $2
Taxes incluses. Frais de port calculés à la caisse.


Portugal Classificado é o retrato de um Portugal em revolução visto pelos Estados Unidos, «escondido» atrás de umas quantas centenas de documentos que durante anos estiveram classificados com o carimbo «secreto». Em 1975, Washington desconfiava de um governo com comunistas e temia que os segredos militares da NATO fossem parar às mãos da União Soviética. Daí Henry Kissinger ter feito um verdadeiro ultimato ao Presidente Costa Gomes para que os militares portugueses não participassem nas reuniões da Aliança Atlântica, nas quais seriam discutidas questões da estratégia nuclear. Em 1975, o general que Frank Carlucci considerava «demasiado à esquerda» acabou por ceder. E o que pensavam Kissinger e Gerald Ford de Mário Soares, Vasco Gonçalves ou Costa Gomes? Ford queixou-se de ter levado «uma lição» de Vasco Gonçalves num encontro em Bruxelas, em Maio de 1975. Álvaro Cunhal foi tema de conversa em 1976 entre Ford e Brejnev, em Moscovo. O líder soviético garantiu que não conhecia Cunhal. Em Lisboa, Cunhal comentou que Brejnev era «mentiroso»...   

 

Nuno Simas nasceu em Lisboa em 1966. É jornalista desde 1989, iniciando a carreira na Agência Lusa. Repórter parlamentar e jornalista de política, foi editor-adjunto (2001-2002) e editor (2002-2005) da secção política do Diário de Notícias e depois na Agência Lusa (2005-2006). É actualmente repórter parlamentar da Lusa. Escreveu Portugal Classificado com base numa série de trabalhos publicados no DN sobre as relações entre Portugal e os Estados Unidos durante o período revolucionário (1974-75).


Nous vous recommandons également